Cardeal Dolan revela o nome mais mencionado entre cardeais antes do Conclave

  • Cardeal Dolan revela o nome mais mencionado entre cardeais antes do Conclave Data da Postagem: 12 mar 2013 | Autor: Ataíde | Comentários: 0 comentário
  • Print Friendly

    NOVA IORQUE, 11 Mar. 13 / 06:57 pm (ACI).- O Arcebispo de Nova Iorque e Presidente da Conferência Episcopal dos Estados Unidos, o Cardeal Timothy Dolan, revelou à imprensa o nome mais célebre entre os cardeais nos dias prévios ao Conclave que se inicia esta terça-feira 12 de março: o nome de Jesus.

    Em uma missiva enviada aos fiéis de sua arquidiocese, o Cardeal Dolan contou que uma jornalista “perguntou se o novo Papa traria uma mudança radical à Igreja. Vi-a surpreendida quando lhe respondi ‘Sim!’ E eu recebi toda sua atenção”.

    “Logo expliquei que é um ‘grande momento’ da Igreja para a mudança, principalmente uma mudança no coração humano, à que Jesus chama ao arrependimento e à conversão. O ‘trabalho’ do Bispo de Roma é conservar a fé, as verdades reveladas a nós por Deus, especialmente através de seu Filho”.

    O Arcebispo disse que a jornalista perguntou logo “há alguns nomes?” de candidatos ao Papado. “Claro”, responde o purpurado, “mas o nome mais mencionado é santíssimo nome de Jesus!”

    Cardeal Dolan fez uma exortação aos fiéis de sua Arquidiocese a “dizer seu Santo Nome e pedir ao Senhor que nos envie (a nós os cardeais) sua graça e sua misericórdia. Obrigado!”

    Na mensagem publicada no dia 8 de março, o Cardeal diz aos seus fiéis: “tenho saudades! Há 10 dias deixei a arquidiocese, e como diz a canção, quero ir para casa! Sentirei falta especialmente do dia de São Patrício, a Festa do grande Padroeiro de nossa arquidiocese e da nossa renovada catedral”.

    O Cardeal Dolan agradece ainda a todos “por suas orações. “Necessitamo-las! Sentimo-las! Sigam rezando! Um veterano me disse que os dias de passagem entre um Pontífice e a eleição do novo são como os dias em Jerusalém logo depois da Ascensão de Nosso Senhor ao Céu”.

    “Toda a Igreja rezava, rezava muito e por longos momentos, unida com os apóstolos e a Mãe de Jesus, fechados no cenáculo, esperando o supremo dom do Espírito Santo! Isso acontece agora”, afirma.

    “E nós os cardeais estamos rezando muito. Todos os dias começam com a oração mais efetiva de todas, o Santo Sacrifício da Missa”, precisou.

    Fonte: www.acidigital.com

    Leia também…

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *